2015

Este ano a minha maior mudança (ou tentativa de) será esquecer os desejos das 12 badaladas e lutar pelo que quero. Acreditar em mim, por as ideias no papel e fazê-las sair do papel da melhor forma possível. Quero criar mais e acreditar que o que crio tem pernas para andar!



BOM ANO!


0 comentários:

Enviar um comentário